Cheio de Vida

5 dez

É interessante quando a gente se percebe cheio. Isto, por que na correria do quotidiana, corre-se o tempo todo, não se presta atenção a nada!

Fica-se embotado de tantas coisas, que deixamos de nos perceber. E quando se percebe, se etá cheio, até o gargalo.

Cheio das vozes que teimas em rir , gritar ou a balbuciar qualquer coisa de humano.

Cheio do barulho dos carros a frear, a buzinar, a gritar e a protestar um espaço a mais, uma ultrapassagem , um lugar a sombra , um lugar ao sol , um logar qualquer, mas, sempre a exigir.

Cheio das exigências da vida , do trabalho , dos estudos , de qualquer coisa que reivindique um espaço em nossa vida que não seja seu.

Acabo transpassado , ultrapassado, atropelado , pela vida e suas exigências e contingencias.

Vida? Rio, comigo mesmo, de mim mesmo!



Anúncios

Uma resposta to “Cheio de Vida”

  1. Mirilaine Brites dezembro 5, 2010 às 11:13 pm #

    É verdade, quando percebemos estamos como Papai Noel de “saco ” cheio até de nós mesmos! O lado bom disso, é que pelo menos compreendemos o que nos ocorre , mesmo que seja desagradável, mas também nos lembra que ESTAMOS VIVOS . E que ESTAR VIVO é isso, momentos FELIZES e outros INFELIZES !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s